Empreendedorismo

Empreender Online: Veja 10 Erros Comuns nessa jornada

Empreender online não é para qualquer um. Eu cheguei a essa conclusão após passar mais de 2 anos vivendo apenas dos meus ganhos na internet. O que mais vemos por aí são pessoas vendendo a fórmula mágica para ganhar dinheiro na internet, o problema é que poucos realmente cumprem o que prometem em seus vídeos de venda e landing pages.

Eu cometi vários erros quando comecei minha jornada de empreendedor digital, mas confesso que aprendi muito com esses erros e isso me fez mais forte para conseguir corrigir o que estava errado e finalmente fazer o meu negócio DECOLAR. Talvez você, que está começando agora, também cometa os mesmos erros que eu cometi lá no passado.

Então hoje vou falar sobre 10 Erros que eu cometi ao tentar empreender online para ajudar você a não cometer ou até mesmo a corrigir esses erros sem prejudicar o seu negócio.

Errar é humano, mas insistir no erro é burrice!

empreender online

Empreender Online: 10 Erros comuns

#1: Achar que seria fácil

A internet nos faz pensar que empreender online é fácil. Vemos diversos cases de pessoas que ganharam 10 mil reais em um mês, 100 mil, ou até mesmo fizeram 1 milhão em 1 ano. O grande problema é que poucos mostram o que passaram para chegar nesse nível.

Não é a toa que “ganhar dinheiro fácil online” é um dos termos mais pesquisados do Google quando falamos sobre trabalhar na internet. Muitos buscam algo fácil, mas não entendem que empreender online pode ser até mais difícil do que ter um negócio físico ou trabalhar em uma grande empresa.

“Grandes negócios vão lhe dar grandes responsabilidades”

Portanto, não ache que será fácil apenas pelo fato de poder trabalhar no conforto de sua casa, esse, aliás, será um dos seus problemas!

#2: Não investir

empreender na internet

Aqui está um dos erros mais cometidos por quem começa a empreender na internet. Pelo simples fato de usar apenas um computador com conexão à internet muitos pensam que não é necessário investir. Quando falo sobre investimento, não estou falando apenas sobre montar a sua estrutura online, mas também sobre investir em conhecimento.

É claro que temos muito conteúdo gratuito, mas 99% está desorganizado ou incompleto. Eu não faria o meu sucesso nos negócios depender de algo gratuito, e você?

#3: Atirar para todos os lados

O pato anda, o pato nada, o pato voa e o pato não faz nada direito…

De nada adianta sair atirando para todos os lados e não construir nada sustentável no longo prazo. A minha dica é para você focar em apenas um negócio e fazer ele crescer muito. Quando ele já estiver “andando com as próprias pernas”, aí sim é hora de começar outros projetos.

Veja também:

#4: Overdose de Informação

Sair comprando vários cursos que ensinam a ganhar dinheiro na internet não vai fazer você realmente ganhar dinheiro. Não se trata de quantos cursos você faz, mas sim de qual método você consegue aplicar. De nada adianta você fazer 5 cursos ao mesmo tempo e ainda procurar dicas gratuitas no youtube, google, facebook, etc. A overdose de informação vai fazer você ficar sem rumo na hora de começar a empreender online.

Um outro erro comum é não aplicar aquilo que os cursos ensinam.

#5: Não aplicar

não aplicar

De nada adianta comprar 10 cursos e não aplicar os ensinamentos. Para quem está começando agora o ideal é comprar um bom método e seguir ele até dar certo. É a mesma coisa que comprar vários livros e nunca ter lido sequer um. Conhecimento parado é a mesma coisa que não ter conhecimento. Se você decidir comprar um curso, aplique tudo o que é ensinado e depois veja se realmente deu o resultado prometido.

O último curso que comprei foi o SEO para Afiliados, e só vou comprar algum outro quando terminar de aplicar tudo o que o João Martinho ensina nesse método.

Empreender na internet: Erros Práticos

Na segunda parte dos 10 erros que você comete na hora de empreender online eu vou falar mais sobre erros práticos.

#6: Colocar todos os ovos em uma cesta

De nada adianta você ficar bom apenas em Facebook Ads ou bom apenas em SEO ou bom em fontes de tráfego alternativas. É necessário diversificar e NUNCA colocar todos os ovos em uma única cesta. E se todas as suas contas do FB forem bloqueadas? E se vier uma atualização no algorítimo do Google e os seus sites despencarem para a terceira página?

Acredite: Na internet tudo muda o tempo todo.

Aquilo que dava certo ano passado, já não funciona hoje. Se você está trabalhando na internet há mais de um ano, deve se lembrar das famosas “páginas de captura” sem conteúdo. Elas que foram quase totalmente extintas por não estarem de acordo com as políticas do Facebook.

#7: Depender apenas de uma plataforma

Temos diversas plataformas de venda de produtos digitais e físicos. Essas plataformas são as principais fontes de renda de quem está empreendendo online. O grande problema é ficar dependendo de apenas uma plataforma ou apenas de um programa de afiliados.

Você já pensou se o hotmart acabar? Ou a monetizze? Apesar de ser algo pouco provável, é sempre bom você diversificar e ter renda de mais de uma plataforma.

#8: Depender de apenas um produto

empreendedor digital

Você pode estar ganhando milhares de reais com a venda de um único produto, mas já pensou o que irá acontecer se o produtor mudar as regras? Se ele proibir o SEO? Se proibir anúncios no Adwords ou Facebook?

Pior do que isso, já imaginou se ele resolve fechar as vendas do produto?

São algumas possibilidades e por isso você NUNCA pode fazer o seu negócio online depender de apenas um produto. Novamente nos damos de cara com a palavra diversificação.

#9: Não ter uma base de leads

Não é novidade para ninguém que nunca se deve construir algo em terreno alugado. O facebook ads é um terreno alugado, o próprio Google também é. Por esse motivo, é altamente recomendado você ter uma base de leads própria, construir a sua audiência para seguir vendendo mesmo que as suas contas de anúncios caiam e seus sites seja punidos pelo Google.

Além disso, todos sabem que vender por e-mail marketing ainda é um ótimo negócio.

#10: Não ter um Plano A

PLANO A

Quando você começa a empreender na internet você precisa ter um PLANO A e um PLANO B. O seu plano A é o seu emprego, é o que lhe dá o sustento atualmente. O seu plano B é empreender na internet. Em determinado momento o seu plano B vai acabar virando o seu plano A, mas enquanto isso não acontece você precisa sim manter as contas em dia através do seu atual emprego.

Você não pode simplesmente jogar tudo para o alto e falar que empreender na internet irá pagar as suas contas da noite para o dia. Para construir um negócio online sustentável leva um certo tempo, então eu recomendo que segure seu plano A, enquanto está construindo o seu Plano B!

Conclusão

E nesse artigo vimos que empreender online não é tão simples como parece, concorda?

O que você achou desses 10 erros? Comete algum deles? Deixe abaixo um comentário falando sobre isso…

E caso você queira falar comigo sobre marketing digital, SEO e vendas, basta me adicionar no facebook clicando aqui!

 

 

Avalie esse artigo!

Recomendados Para Você:

Sobre o autor | Website

Em 2014 eu estava desempregado e sem grana. Então eu vi que era possível usar o meu blog para ganhar dinheiro. Hoje eu possuo mais de 10 sites no ar que me geram renda de forma automática! Eu criei esse blog com o objetivo de compartilhar um pouco do que aprendi em mais de 2 anos vivendo apenas dos ganhos online! Vamos juntos pro #topo

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.